Patos-PB, Terça-Feira - 11 de Dezembro de 2018

Notícias

Imprimir   

Saúde Patos e FIP lançam edital de Adesão dos Municípios ao Programa Regionalizado de Residência Médica

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Comissão de Residência Médica (COREME), e em conjunto com o Programa de Residência da FIP, lançou o Edital de Adesão dos Municípios ao Programa Regionalizado de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade. As inscrições estão abertas desde o dia 14 de novembro e foram prorrogadas, se estendendo até o dia 07 de dezembro.

O Programa e as vagas foram autorizados pelo Ministério da Educação (MEC), e são financiados parte pelos municípios da Regional de Saúde e parte pelo Ministério da Saúde. Para se inscrever, basta o interessado preencher o Termo de Adesão dos Municípios, obedecendo ao cronograma atualizado do edital, encaminhá-lo para o e-mail: secretaria@rmed.fiponline.edu.br e aguardar confirmação do recebimento do e-mail.

De acordo com o secretário de Saúde de Patos, Davi Nunes, a Residência Médica de Família e Comunidade já está instalada no município de Patos, e diversos alunos já atuam junto à saúde pública municipal, contudo, este é um novo edital para inscrições.

“Já temos alunos de R1, R2 e R3, então e significa dizer que a cada ano a gente fica abrindo processo. Nós estamos abrindo mais um edital para inscrição, as pessoas que se inscreveram para a residência de medicina vão estar tanto podendo atuar no município de Patos, como em qualquer município da macrorregião,” disse o secretário.

Ainda segundo Davi Nunes, o convênio é estabelecido com o município de Patos que faz a condução desses processos junto a FIP. 

“É um momento importante porque é uma forma da gente ter profissionais médicos, os quais temos certa dificuldade de conseguir no mercado de trabalho, e nós temos aqui eles utilizando o processo de aprendizagem deles de comunidade de família no próprio município de Patos e nos municípios da região que têm carência desse tipo de profissional. Para a gente é muito importante esse empreendimento, e isso não vai parar por aqui vai ter sempre reinício, até a gente conseguir ter uma população de residente suficiente que possa atender as necessidades do semiárido,” destacou Davi.

No edital é possível conhecer os requisitos necessários para efetuação da inscrição, como também as devidas obrigações da instituição e dos municípios aprovados.



DAVI NUNES - EDITAL DE RESIDENCIA MÉDICA

 
 
« Voltar