Patos-PB, Domingo - 16 de Junho de 2019

Notícias

Imprimir   

Prefeitura de Patos promove nesta quinta 16, DIA D DE COMBATE À SÍFILIS com serviços e atendimentos de saúde

A Prefeitura de Patos, Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância Epidemiológica realizam nesta quinta-feira (16), das 08h às 12h, na praça São Judas Tadeu no bairro São Sebastião, o Dia D de Combate à Sífilis, com a oferta de vários serviços de saúde a exemplo de tipagem sanguínea, atualização do cartão sus, palestra sobre tabagismo, vacinação contra a gripe, além da parte educativa com saúde bucal, combate à dengue, entre outros.
 

PATOS CONTRA A SÍFILIS é o slogan da ação, que segundo informou a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Samara Marques Costa, surgiu com o objetivo de orientar melhor a população do São Sebastião de adjacências, sobre as formas mais comuns de contrair a doença, bem como ter acesso gratuito ao tratamento por meio do Sistema Único de Saúde - SUS.
 

Samara também ressaltou que a localidade possui um alto índice de pessoas que contraíram a sífilis, e portanto é mais do que necessário promover este evento na tentativa de reduzir este índice.
 

Além dos serviços básicos de saúde e do trabalho de educação referente à prevenção e tratamento da sífilis, a população ainda poderá ter acesso às consultas especializadas e gerais com os médicos Umberto Joubert (dermatologista), Perla Gadelha (endocrinologista) e Gilberto Marinho (ginecologista).
 

A Dia D de Combate à Sífilis (Patos contra a sífilis) terá o apoio das unidades básicas de saúde Nabor Wanderley, Horácio Nóbrega, Enaldo Torres, Ministro Ernani Sátiro, Roberto Ôba, juntamente com a Vigilância em Saúde, Vigilância Epidemiológica, Vigilância Ambiental, Vigilância Sanitária, CTA, Laboratório Municipal, Setor de Imunização, Setor de Marcação e equipe da Saúde Bucal.
 

Sífilis - O que é

É uma Infecção Sexualmente Transmissível (IST) curável e exclusiva do ser humano, causada pela bactéria Treponema pallidum. Pode apresentar várias manifestações clínicas e diferentes estágios (sífilis primária, secundária, latente e terciária). Nos estágios primário e secundário da infecção, a possibilidade de transmissão é maior.
 

Formas de transmissão

A sífilis pode ser transmitida por relação sexual sem camisinha com uma pessoa infectada, ou para a criança durante a gestação ou parto.  (HB)



Samara Marques Costa - Coord. Vigilância Epidemiológica

 

« Voltar